A diferença em tempos de intolerância

Um pensamento sobre Ensino, Textualidade e a Web e como todos somos professores de Tolerância.

Lendo o excelente livro, recém lançado The Brave New Text, escrito por Teodora Petkova que faz um incrível mergulho teórico na história e no futuro do texto, da web e da interação, entre outras muitas coisas.

Nele, encontro esse trecho, falando sobre o jogo que o texto escrito permite que seja feito e como nos apoiamos nos ombros de gigantes para construir e reconstruir nossa história:

E como todos os textos, mesmo em lugares diferentes, estão conectados nessa experiência compartilhada que é a Vida, encontro esse texto, veja só, na Web:

E continua:

E aí me veio o pensamento de integração entre textos desconectados entre si, por falta de link que os una mas que estão dentro de um mesmo pensar pelo sentimento em conjunto que tem, talvez por estarem apoiados nos mesmos ombros, sobre os mesmos gigantes.

Eu uni esses dois trechos neste novo texto com um objetivo e ele está escondido na dica do filme A Sociedade dos Poetas Mortos. Quem viu o filme se lembra e quem não viu pode imaginar a cena:

O professor estava na aula, lidando com a falta de interesse de uma turma e os convoca para subir na mesa do professor. Esse era um ato de transgressão impensável num colégio tão tradicional. Os alunos, os que se disporam a tentar uma nova visão, subiram na mesa. Esse novo olhar, uma nova perspectiva inspirou aqueles alunos a tentar novas perspectivas de vida.

O texto online, suas conexões e um novo mundo

…having stepped on the shoulders of so many electronic texts online (not without the advancements in search technology) are elevated by the heights of shared experiences and meanings to see the world differently…

Este trecho acima me inspirou, como se eu mesmo me apoiasse nos ombros da Teodora. Me apoio em seus textos para entender que as nossas experiências compartilhadas (você está aqui compartilhando comigo, assíncronamente, minas experiências) mudam o sentido que a vida é enxergada por nós, como se estivessemos, ao ler um texto, subindo na mesa daquele professor.

Uma outra ponte de Entendimento

Nós brasileiros vivemos momentos em que nossa Nação está dividida. Depois de um tempo tão duro, de desentendimento, separação cognitiva e sentimental, precisamos criar uma nova ponte de Entendimento.

E por isso, uno novamente textos separados:

A simpatia que atrai um ser para outro resulta da perfeita concordância de seus pendores e instintos. Em sentido oposto, a ausência de sintonia mútua não significa que os seres tenham natureza má.

Talvez precisemos de algo que gere uma mudança de perspectivas, como um professor que nos convide a subir na mesa. Essa mesa podem ser textos de gigantes, conectados entre si, que nos façam pensar em saídas para o buraco em que nós mesmos nos metemos.

O resumo que me vem a mente está aqui descrito:

…à medida que eles se forem elevando, as diferenças se apagam e a antipatia desaparece.

The Brave New Text: Perspectives on Web Writing

The Brave New Text is a collection of essays with perspectives on web writing. With eyes wide open to our intertextual nature, it looks at texts and the beautiful dynamics of the semantic networks they create and are created by online.

The Brave New Text talks about textuality as the transformative power that augments and enhances the way we communicate, exchange, experience and explore thoughts, ideas, goods.

The book is meant to inspire you to look at web writing and text anew. Each essay thinks through the webby word from the perspectives of semantic technologies, intertextuality and knowledge discovery. It is also an invitation to see texts on the web as webs themselves, as processes that change us, word by word, link by link. — https://amzn.to/2Rxm985

Formado em Publicidade e Propaganda com 20 anos de experiência em Criação e Gestão de conteúdo digital. Pesquisador da semântica e dados conectados.

Formado em Publicidade e Propaganda com 20 anos de experiência em Criação e Gestão de conteúdo digital. Pesquisador da semântica e dados conectados.